sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

ALERGIA ALIMENTAR: SINTOMAS, TRATAMENTO E COMO EVITAR.




Oi pessoal, tudo bem?

Para algumas pessoas, um prato como esse é irresistível e totalmente inofensivo. Já para outras, um perigo.
Eu, por exemplo, não posso nem chegar perto.

Vamos falar sobre ALERGIA ALIMENTAR.

As alergias ocorrem quando o sistema imunológico tem uma reação exagerada e anormal,  quando comemos algo aparentemente inofensivo na maioria das vezes.
As alergias basicamente se desenvolve em fases. Quando o sistema imunológico encontra pela primeira vez um alérgeno (substância/alimento que ele distingue erroneamente como um invasor estranho e nocivo) ele sinaliza células especializadas para fabricarem anticorpos, ou imunoglobulinas, contra o alérgeno. A pessoa não experimenta uma reação alérgica nesta exposição inicial, no entanto, se a substância entrar novamente no organismo, os anticorpos programados anteriormente para um ataque, entrarão em ação. Em alguns casos , a resposta não produzirá sintomas, mas o palco estará montado. Quando o organismo entrar em contato novamente com o mesmo alérgeno, substâncias químicas, como histamina e outros compostos químicos responsáveis pela reação alérgica, serão liberadas pelas células do sistema imunológico. Quando isso acontece, os sintomas podem variar de um simples espirro, escorrimento do nariz ou tosse, a urticária,  angioedema e até sintomas de maior gravidade, como um choque anafilático, podendo levar a morte.






Sintomas mais comuns:
Náusea
Vômito
Diarréia
Constipação
Indigestão
Dor de cabeça
Erupções cutâneas
Urticária
Coceira 
Falta de ar

Sintomas Graves: 
Vermelhidão no corpo
Inchaço da pele, boca, pálpebras, garganta, língua e das membranas mucosas.

Nesse último caso, de inchaço, é potencialmente fatal, pois o inchaço da garganta e da língua, podem bloquear a entrada de ar para os pulmões e nos casos mais graves, pode ocorrer o CHOQUE ANAFILÁTICO, um colapso do sistema respiratória, podendo levar a morte, se a pessoa não for socorrida  a tempo.




O alérgeno geralmente provoca os mesmos sintomas, mas diversos fatores podem afetar sua intensidade: a quantidade ingerida do alimento agressor, se foi ingerido com outros alimentos, como foi preparado, e até o estresse. Porém a cada episódio, a crise vem mais forte.

Alérgenos mais comuns: 
Leite e derivados
Ovos
Peixe
Frutos do mar
Trigo e derivados
Milho
Nozes e amendoim
Frutas como por exemplo: banana, kiwi, morango, laranja, abacaxi.
Chocolate
Pimenta
Gengibre
Alimentos com corantes
Aditivos alimentares (usados em alimentos e temperos industrializados)

Alguns alérgenos são facilmente identificados, pois seus sintomas aparecem logo após a ingestão. Outros, podem manifestar os sintomas algumas horas depois ou até 48 h depois da ingestão, ficando mais difícil identificar o alimento agressor. Nesse caso seria interessante, a pessoa adotar um diário, anotando tudo o que come, e observando. Foi assim que eu descobri a maior parte dos alimentos que me causam alergia.
E não tem jeito, o melhor tratamento é eliminar de vez o alimento agressor. Não é fácil, as vezes acabo comendo algo que não posso, e as vezes, como sem saber, fora de casa , aí não tem jeito, só mesmo administrando a medicação específica, receitada pelo meu médico.
Em supermercados, analise muito bem os rótulos. 
Comer fora de casa, pode apresentar algumas dificuldades, porém é só perguntar sobre o cardápio, eu por exemplo, sempre pergunto se a comida não tem pimenta, porque muita gente usa pimenta no dia a dia. É  chato ficar perguntando, mais nesse caso se trata da saúde e até da própria vida. 
E aqui vai um recadinho: As vezes pergunto se tem pimenta ou outra coisa que não posso, e na maioria das vezes as pessoas dizem que não tem e outras dizem, "nããão...tem só um pouquinho"...Gente, quem é alérgico, é alérgico e ponto. Quem faz isso não sabe o risco em que está colocando a pessoa alérgica, ela pode morrer.

O tratamento é feito com anti-histamínico, e em casos de emergência, como num choque anafilático, é administrado uma injeção de adrenalina.

Se você suspeita de ter algum tipo de alergia, procure por um MÉDICO ALERGOLOGISTA.

Espero que este post possa ajudar, porque assim como eu, tem muitas pessoas alérgicas. 
Aproximadamente um em cada quatro brasileiros sofrem com alergia.


Até a próxima.



Patrícia Marim


16 comentários:

  1. eu não tenho esse problema Pati, mas vc fez uma observação interessante: o risco que uma pessoa pode causar a outra por achar que é mera frescura não querer comer certo alimento.

    e vc não pode pimenta? aiii eu adoro. Ainda bem que não te dou alergia! kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Fefa...a maioria acha que é frescura...

      O pior que amooo pimenta, mais não posso de jeito nenhum...já comi por várias vezes e sempre fui parar no hospital...

      Excluir
  2. Oi Patricia! Meu pai tem alergia a pimentão, se come vai direto pro hospital. Esses salgados que vende em lanchonete, ele foi comer e perguntou pra moça se tinha, acho que ela nem sabia que na carne moída tinha, ele empipocou todinho na primeira mordida... é terrível isso mesmo!

    Ótimas informações!
    Bbeijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucy.
      É sempre bom ele andar prevenido. Deixar a receita médica na carteira, quando for viajar, levar o medicamento, e sempre perguntar se tem o alimento agressor.
      Beijo

      Excluir
  3. Oi Pati,
    Eu nunca tive alergia a alimento. Mas minha filha já. É horrível...ela já foi parar no hospital sem ar.
    Muito útil esse post!!
    Bjksssss
    http://www.clubedocabeloecia.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amore!
      Nossa! Quando falta o ar é a pior fase da crise de alergia! Tem que ficar atenta ao que come e descobrir o que ocasionou a alergia e eliminar da dieta dela.
      Bjs

      Excluir
  4. Foi muito bom saber pois minha filhs quase morreu comeu peixe nao sabia que era alergica a ele tomou ate adrenalina e passou 5 dias internada toda inchada e a pele queimada horrivel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Maristela! Que perigo!
      Agora, é tomar os devidos cuidados e eliminar o peixe da dieta.
      Abraço.

      Excluir
  5. Tbm sou alérgica a qqr tipo de pimenta quando como em algum tipo de alimento tenho que tomar Duoflan pura Cortizona pra melhorar, comia muita pimenta que me intoxicou, não melhora 😔

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Madalena!! Existem antialérgicos sem corticóides. Mas, cada caso é um caso. Então, converse com seu médico para ver se há a possibilidade de substituição.
      Abraço

      Excluir
  6. Eu e minha filhinha temos reações sempre que comemos sem ver a tal da pimenta, sofro com muita dor no trato urinário e como minha filha usa fraldas onde encosta os resíduos fecais ela tem queimaduras horríveis mesmo ela fazendo e tirando imediatamente, não sabemos mais o que fazer já cheguei a ficar internada e os médicos achavam que era infecção urinária, até ligarmos meu caso ao da minha filha. Bem que podia simplesmente desaparecer essa alergia* da mesma forma que chegou

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Damila! Que horrível!
      Mas, neste caso não tem outra coisa a se fazer, a não ser, não ingerir de maneira alguma, o que causa esses sintomas.
      Se continuar ingerindo, os sintomas só vão se agravando.
      Busque um alergologista, urgente. ;)

      Excluir
  7. Paty
    A dois anos venho desenvolvendo alergia alimentar que vai de frutas, mel, açúcar refinado, temperos industrializamos e agora descobri que tbm tenho alergia a pimenta. Tenho uma dificuldade muito grande em encontrar um alergologista. Cada vez tenho crises mais agudas. Teria um bom especialista para indicar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Patrícia.
      Não sei de qual cidade vc é. Sou de Itu, interior de SP e meu alergologista é da cidade vizinha aqui, de Salto. Passei por vários aqui em Itu, em Sorocaba, e este de Salto foi o que mais me ajudou.
      ;)

      Excluir
  8. Oi eu ontem amanheci com as mãos ardendo e coçando. Hoje com febre e dor de cabeça, e as mãos coçando muito até umas bolhinhas por dentro da pele tem. Não sei o que aconteceu. Que tipo de alergia seria. As mãos doem inchadas e coçam sem parar. Eu comi umas torradinhas tipo aperitivo sabor calabresa que estava bem apimentada. ..e isso eu ja tinha comido antes. E uma salada de frutas que tibha kiwi. Eu nunca tinha comido. Não sou de comer pimenta o tempo todo...e fruta nuncae fez mal. Talvez o stress tenha aumentado a coceira tbm.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Drina.
      Bem, aparentemente, vc mesma já identificou o que pode ter causado essa alergia.
      Beba muita água para limpar o sistema linfático e não coma nada industrializado por esses dias.
      Em todo caso, procure um médico alergologista para te orientar.
      Melhoras! ;)

      Excluir